Videotape n’A Boina nº3: (3X3) FIlmes de terror para medrosos

Cuidado atrás de você, embaixo da cama, na sua casa... É Halloween! (André Bonomini)

Cuidado atrás de você, embaixo da cama, na sua casa… É Halloween! (André Bonomini)

(Por: Lucas Baldin / Part: André Bonomini)

Olá, geração!

Hoje entramos no clima do Halloween e trazemos uma lista com seis filmes (três light, três mais hard) para quem quer começar a assistir filmes de terror mas não quer levar tanto susto.

Não vamos nos apegar muito a sinopse, mas vamos falar um pouquinho dos filmes, o que conta aqui é o por que de nós termos escolhido determinados filmes para indicar.

Ok? tudo certo? Então bateu fechou, vamos lá! Prepara o balde de pipoca e o guaraná pra sessão tripla de terror. Lucas começa, depois o André… Vamos manter a ordem das coisas aqui! (Hehehe)

(Diuvulgação)

(Diuvulgação)

O Brinquedo Assassino (1988): Um fugitivo da policia, para evitar um tiro que iria tirar a sua vida, transfere sua alma para dentro de um boneco personagem de um programa de sucesso (no universo do filme). Esse boneco amaldiçoado ganha vida e invade a rotina de uma mulher e seu filho e toca o p#teiro lá.

Não se preocupe, embora você possa ter raiva ou medo de todos os brinquedos depois de assistir ao filme, se você se concentrar na história, o medo vai ser a ultima coisa que você irá sentir.

Como todo filme de terror, um sustinho ou outro você leva. Esse filme considero engraçado, deve ser por que você sabe que é uma marionete e as expressões de ódio e raiva que o brinquedo Chucky faz… bem… acaba tirando umas risadas.

Será que meu senso de humor é doentio? Vamos lá, me julgue, sociedade.

Veja o trailer do primeiro Brinquedo Assassino:

02Premonição (2000): Esse é um filme que revolucionou o cinema na época. A história é a de um menino que prevê um acidente aéreo minutos antes de acontecer e livra a si e um grupo de jovens, fazendo com que a morte os persiga para cumprir seus planos mortais. Então, um a um dos jovens que escaparam da morte começam a morrer das formas mais trágicas.

Ok… Não é tão trágico assim. O filme de assusta ao máximo e sempre te pega com o fator “Ha! Te peguei!”. Você acaba encarnando um estrategista e vendo de quais formas a morte irá pegar a presa. Vale a pena!

Não posso prever, mas estou certo que você quer ver o trailer do primeiro Premonição:

03O Exorcista (1973): Sim, você leu certo. O clássico do suspense e terror é, sim, um filme para iniciantes. Embora rolem alguns sustos, o filme é mais pra polemico do que pra terrivelmente assustador, as cenas mais puxadas estão para o final.

Bem, Sobre a história… Resumindo: A filha de uma atriz recebe uma possessão satânica e vê a vida dela e sua mãe mudar totalmente, depois de passar pelos melhores médicos a solução aparece: o exorcismo.

O filme trás uma ótima narrativa, constrói os personagens e te envolve na história. Você se surpreende com o final, mas assistindo de novo você começa a encaixar algumas peças que dê primeira olhada, pelo menos pra mim, passou batido.Recomendo super!

Tem coragem? Veja o trailer deste clássico:

Found Footage: O susto imprevisível

O amigo e nobre colunista aluado Lucas Baldin permitiu-me que eu aumentasse a lista neste nobre Halloween. Pois então, vamos lá. Saindo um pouco do terror/gore soft, partimos para uma seara ainda mais cabulosa do cinema de terror que tanto tem me fascinado. O imprevisível Found Footage.

Trata-se de um filme produzido em forma de documentário, onde uma simples filmadora ou o conjunto de câmeras da ao espectador uma espécie de sensação de estar presente nas cenas. Criado nos anos 80, com o polêmico Canibal Holocausto, do italiano Ruggero Deodato, este estilo de terror (filmes perdidos em português) ganhou corpo mesmo em 1999, quando os cinemas presenciaram o terror em A Bruxa de Blair, um dos maiores sucessos deste gênero.

Com o tempo, os Found Footage se multiplicaram e várias produções de temáticas diferentes surgiram. A grande maioria explorando a paranormalidade e assombrações. Já que estamos no Dia das Bruxas e, para os preparados para o susto sem aviso, filme de terror tem que ser de terror. Trago aos amigos, assim como Lucas, três dicas interessantes deste tipo de filme.

Não sou o Getro, mas tenho as minhas habilidades para falar de películas. Então, vamos la.

Paranormal_Activity_posterAtividade Paranormal: Talvez, depois de A Bruxa de Blair, um dos mais bem sucedidos filmes do estilo já feitos. Quando do lançamento, muita gente foi pega na curiosidade por saber que o terror se passava quase que naturalmente entre Katie e o namorado, o acionista Micah.

Se o primeiro já assusta com a diabólica morena e os fenômenos que cercam a casa no primeiro filme, as outras produções da franquia tem a dose de terror da boa para uma noite sem sono, todas elas captadas por câmeras de mão e circuitos fechados. Se fosse eleger um dos quatro da franquia para lhe recomendar, ficaria com o o quarto filme, talvez o mais assustador deles.

Fala a verdade, você que já viu, provavelmente já acordou a noite imaginando que Katie estivesse do seu lado. Pode admitir, a gente deixa (hehehe).

Veja o trailer do quarto filme. A loirinha é um convite aos olhos (opinião masculina, desculpas!):

sanatorium-posterSanatório: Este também pega pesado no susto e na imprevisibilidade das cenas. Um grupo de investigadores paranormais adentra o tenebroso Sanatório Hillcrest em busca de evidencias da existência de espíritos de crianças desaparecidas no local e de um psicopata que se suicidou depois de uma série de assassinatos. A equipe faz os trabalhos na noite de ano novo e tudo parece estar mais do que normal.

Mas a coisa vai piorando no decorrer do filme. Os membros do grupo começam a sumir misteriosamente e, aos poucos, os espíritos do local começam a se revelar e mostrar o poder de fogo. Um show de loucura, estranhos fenômenos e um fim imprevisível. Começa sutilmente e vai afundando, se é que me entende.

Para quem já viu a produção, sabe exatamente os caminhos do susto. Já para os que se arriscarem a assisti-la, apenas uma dica soando spoiler: A coisa começa a piorar depois da meia-noite.

Veja o instigante trailer de Sanatório:

VHS-posterV/H/S: Este deve ser o máximo do máximo em gore, terror e susto em um Found Footage. A franquia ainda está no começo, mas quem procura alguns elementos extremos do estilo vai encontrar nesta produção que começou em 2012, já está no segundo filme e tem continuação prevista para este ano.

V/H/S (como se escreve mesmo o nome do filme) é uma sucessão de Found Footages dentro de um Found Footage. Todas elas sendo registros de histórias paranormais e horripilantes, algumas gravadas em câmera digital, outras nas clássicas câmeras analógicas, todas elas com o inconfundível estilo das velhas fitas VHS (video-cassete), que torna ainda mais soturnas as histórias.

É preciso ter coragem e estômago, fica o conselho

Veja o trailer do primeiro V/H/S, se conseguir (hehehe):

Por hoje é isso, boa sessão de cinema! Lucas e André para A Boina encerrando a transmissão, um abraço e…. não olhe de baixo da cama!

Deixe uma resposta