Newsletter das Assessorias nº8: Etevi, Senai Blumenau, Drinks em casa e Mostarda Dijon

Mais uma vez, homens faturam Gincana da ETEVI

(Giovana Pietrzacka / Jornalismo FURB)

(Giovana Pietrzacka)

A coordenadora desta edição, professora Idione da Silva, junto do diretor da ETEVI, professor Manoel José Fonseca Rocha, entrega da placa à equipe vencedora. Outra vez, os homens. (Giovana Pietrzacka)

Pelo segundo ano consecutivo, a equipe masculina foi a vencedora da Gincana Guerra dos Sexos da Escola Técnica do Vale do Itajaí (ETEVI). O resultado foi anunciado no final da manhã do último dia 30 de outubro, após três dias de provas. E foi um resultado apertado: 57 pontos para os homens e 53 para as mulheres.

A competição começou no dia 26 de outubro e desde o início houve muito equilíbrio entre as equipes. A virada aconteceu no último dia de provas e nem mesmo o número expressivo de mulheres na equipe intimidou os homens. Eram 96 integrantes contra apenas 55 da equipe adversária. Quando ambas as equipes viram o resultado no telão, o grito de guerra masculino ecoou no Auditório do Bloco J (Campus 1). A emoção pela vitória era evidente, mas o aprendizado foi algo igualmente marcante.

Sacramentado. No telão, por quatro pontos, rapazes batem as moças pelo segundo ano seguido na Gincana Guerra dos Sexos, na ETEVI (Giovana Pietrzacka)

Sacramentado. No telão, por quatro pontos, rapazes batem as moças pelo segundo ano seguido na Gincana Guerra dos Sexos, na ETEVI (Giovana Pietrzacka)

A Gincana reuniu os alunos dos terceiros anos da ETEVI divididos por sexo em dois grandes grupos. Durante três dias, as duas equipes responderam perguntas sobre todas as disciplinas estudadas durante o Ensino Médio. Muito além de revisar conteúdos para o vestibular e para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a competição proporciona uma espécie de aulão geral, promovendo a integração entre os alunos do Terceirão e momentos de descontração pedagógica.

O diretor da Escola e organizador da Gincana, Manoel José Fonseca Rocha, destaca a presença maciça dos professores do Terceirão e dos alunos participantes. A Gincana vem se consolidando como uma atividade que busca a integração e o desenvolvimento do lado humano também, avaliou.


SENAI Blumenau vence etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento

(Ana C. Bernardes / Presse Comunicação Empresarial)

Representante blumenauense recebe premiação no palco da fase regional da Olimpíada do Conhecimento, disputada em Jaraguá do Sul e encerrada no último dia 30 (Divulgação / Presse)

Representante blumenauense recebe premiação no palco da etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento, disputada em Jaraguá do Sul e encerrada no último dia 30 (Divulgação / Presse)

Os alunos do Senai de Blumenau, entidade da FIESC (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina), foram destaque durante a etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento, realizada entre 26 e 30 de outubro. Pela terceira vez consecutiva, a cidade campeã da etapa. Os vencedores do certame estadual foram conhecidos no último dia 30 de outubro, durante cerimônia de premiação na unidade do Senai de Jaraguá do Sul,

Foi uma etapa muito disputada e ficamos felizes e orgulhosos com nossos estudantes, que mostraram todo o seu potencial durante as provas, destaca o diretor da unidade do Senai de Blumenau, Jacir Luiz Lenzi. A unidade de Blumenau conquistou seis medalhas de ouro, quatro medalhas de prata e uma medalha de bronze, totalizando 11 medalhas. Além de Blumenau, estudantes do Senai de Joinville, Florianópolis, Jaraguá do Sul, Chapecó, São José, São Bento do Sul, entre outros municípios do estado também foram premiados.

A partir de agora, os ganhadores da etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento começam a se preparar para a etapa nacional, em 2016, onde representarão Santa Catarina. Após a etapa nacional, os vencedores podem disputar o torneio mundial, WorldSkills Competition, que acontecerá em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, em 2017.

Além de Blumenau, estudantes do Senai de Joinville, Florianópolis, Jaraguá do Sul, Chapecó, São José, São Bento do Sul, entre outros municípios do estado também foram premiados

Além de Blumenau, estudantes do Senai de Joinville, Florianópolis, Jaraguá do Sul, Chapecó, São José, São Bento do Sul, entre outros municípios do estado também foram premiados (Divulgação / Presse)

Confira os premiados:

Ouro: Daniel João Picoli (sistema de transporte da informação), Danielle Cristine Rodrigues (aplicação de revestimento cerâmico), Lucas de Campos (construção em alvenaria), William Roberto Araujo Matuszewski (sistema de construção drywall), Eduardo Krauss (mecânica de automóveis) e Ana Carolina Gomes Jacinto (vitrinismo).

Prata: Nicolas José Cordeiro Viana (soluções de software), Gabriel Lucas Sinhoka (tecnologia da moda), Eduarda Helena Deschamps (confeitaria) e Anderson Rosa da Silva (panificação).

Bronze: Lincon da Silva Schramm (eletrônica industrial).

Olimpíada do Conhecimento

A etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento, maior competição de educação profissional das Américas, aconteceu nas unidades do Senai de Blumenau, Joinville, São Bento do Sul e Jaraguá do Sul e reuniu mais de 140 estudantes de 19 cidades catarinenses, além de cerca de 18 mil visitantes.

Nas provas, os alunos realizaram atividades típicas de cada profissão. Paralelamente à Olimpíada do Conhecimento, o Senai realizou outros eventos, como o Inova Senai, mais de 80 oficinas, palestras, desfile e apresentação do Projeto Couro de Tilápia, atividades do Movimento A Indústria pela Educação e eventos promovidos pelos apoiadores e patrocinadores.


Cooper Pratic ensina a fazer drinks em casa

(Josiane Caitano / New Age Comunicação)

imagem_release_525600No mês de novembro, moradores do Vale do Itajaí e de Jaraguá do Sul poderão fazer um curso inédito no Cooper Pratic: o Drinks Inox. Oferecido nas filiais da Cooper, seguindo a agenda mensal de cada filial, o curso ensinará a fazer deliciosos drinks, a base de cachaça premium Inox, com instrumentos encontrados em qualquer cozinha, sem perder o caráter de alta sofisticação.

O objetivo é repassar maneiras para as pessoas fazerem drinks para seus amigos, usando utensílios comuns que todo mundo tem em casa, mas gerando um efeito profissional, com um visual de encher os olhos e extremamente saboroso. Os drinks utilizam como base uma bebida genuinamente brasileira, produzida regionalmente e de alta qualidade: A cachaça Inox.

O curso será ministrado por embaixadores Inox, especialistas em drinks, em bebidas especiais e em técnicas de harmonização para a elaboração de drinks que atendam aos mais diversos paladares. Cada vez mais as pessoas fazem reuniões de amigos nas suas casas, devido a situações como lei seca, violência e por questão de economia. Dessa maneira, o curso dará às pessoas mais ferramentas e maneiras de encantar seus amigos nessas reuniões caseiras, argumenta o diretor da Inox, Rafael Junkes.

imagem_release_525597

O curso terá como base os produtos da Marca Inox, produzidos em Blumenau e exportados para cinco países, com foco nas cachaças, suas variações de sabor, combinações com frutas brasileiras e técnicas de degustação. (Divulgação / New Age)

O curso terá como base os produtos da Marca Inox, produzidos em Blumenau e exportados para cinco países, com foco nas cachaças, suas variações de sabor, combinações com frutas brasileiras e técnicas de degustação.

A programação completa do Cooper Pratic em cada filial está disponível no site do programa. Os interessados em participar deste e de outros cursos gratuitos podem fazer sua inscrição por telefone (os números de cada filial podem ser acessados no site da Cooper) ou no Serviço de Atendimento ao Cooperado/Cliente (SAC) das filiais, mediante a apresentação do cartão de cooperado e de um documento de identificação com foto.


Hemmer amplia linha de mostardas com opção Dijon

(Marina Melz / Melz Assessoria de Imprensa)

Hemmer-151027-mostarda-dijon-reprodução

Sabor da França com sobrenome alemão. Hemmer lança o tipo Dijon na tradicional linha de mostardas (Reprodução / Hemmer)

As mostardas são marcas registradas da Hemmer, empresa catarinense que completou 100 anos em 2015 e é referência em qualidade nos alimentos. E a linha ganhou um reforço de peso: no mercado há um mês, a mostarda Dijon está se destacando nas vendas e competindo diretamente com os itens importados nas prateleiras.

De acordo com Elisandro Nunes da Rosa, gerente comercial, a qualidade do produto da Hemmer é compatível com as marcas internacionais, mas o preço anima o consumidor. Este item é produzido com grãos importados, assim como as nossas outras mostardas. Mas a produção no Brasil e a logística facilitada são fortes aliadas na hora da definição do valor, explica.

A mostarda Dijon foi criada numa região homônima da França e é muito utilizada na gastronomia daquele país. O sabor é mais marcante do que a mostarda tradicional e, nos preparos, ela é comumente combinada com itens como o estragão, a pimenta verde, o mel e o cassis. Algumas sugestões de uso são no tempero de carnes e peixes e no preparo de molhos.

Hemmer-151027-mostardas-Reprodução

A Dijon e a linha completa de mostardas, já reconhecida pelo tradicional cliente Hemmer, em Blumenau e em todo o Brasil (Reprodução / Hemmer)

A linha de mostardas da Hemmer conta ainda com as opções: amarela, escura, com mel, com curry, extra forte, com bacon, com ervas finas e com alho. Ao todo, são nove receitas diferentes produzidas pela companhia em três tamanhos de embalagens.

Para comprar online, basta acessar o e-commerce da companhia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s