Teatro Carlos Gomes abre inscrições para retomar coro musical

O canto esteve presente no Carlos Gomes desde os tempos remotos do Liederkrantz, uma das agremiações que deu origem a Sociedade Dramático-Musical. Agora, a direção do TCG quer retomar este conjunto ainda este ano (Reprodução)

O canto esteve presente no Carlos Gomes desde os tempos remotos do Liederkrantz, uma das agremiações que deu origem a Sociedade Dramático-Musical. Agora, depois de 12 anos ausente, o TCG quer retomar este conjunto ainda este ano (Reprodução)

(Camila Tibes / Oficina das Palavras)

Após um hiato de 12 anos, o Teatro Carlos Gomes volta a chamar cantores para a formação de um Coro Musical. A instituição já foi referência no Canto Coral, atividade que teve início com o Liederkrantz, nos antecessores tempos do Teatro Frohsinn, continuidade e modificações sob a batuta do maestro Heinz Geyer e ganhou prosseguimento sob a regência de diversos maestros até o ano de 2004.

Agora, a casa resgata a tradição sob a regência do músico Dayro Graciola Benvenuti  Kowalski  Bornhausen e já aguarda inscrições para iniciar a atividade de ensaios em 2016. O objetivo do grupo será desenvolver um repertório diverso e criteriosamente selecionado, trabalhando a preparação músico/vocal dos cantores.

O Coral (masculino e feminino) junto da Orquestra de Câmara, nos tempos da regência de Heinz Geyer, em 1971 (Reprodução / Angelina Wittmann)

O Coral (masculino e feminino) junto da Orquestra de Câmara, nos tempos da regência de Heinz Geyer, em 1971 (Reprodução / Angelina Wittmann)

Ao todo, estão disponíveis 30 vagas divididas entre sopranos, contraltos, tenores e baixos, que podem ser preenchidas por homens e mulheres com idade a partir de 16 anos. A matrícula deve ser realizada na secretaria da Escola de Música, no Teatro Carlos Gomes.

As entrevistas com os candidatos estão marcadas para o dia 24 de fevereiro, às 19h, e a ideia é iniciar os ensaios no dia 2 de março.

Deixe uma resposta