Fabrício Wolff em A BOINA: O julgamento e o coração

(Fabrício Wolff)

(Reprodução)

(Reprodução)

Às vezes tenho a impressão de que o mundo é formado por juízes. Todos se sentem no direito de julgar os outros. Parece natural, algo intrínseco ao ser humano. Mas não é, ou não deveria ser. Ninguém deveria se achar no direito de julgar os outros. Isso naturalmente demanda imaginar-se em uma posição superior, ver-se melhor do que os outros. E, sinceramente, isso não existe. Todos são melhores em algumas coisas e piores em outras. Ninguém é realmente superior a ninguém.

O problema é que as pessoas o fazem. Nos momentos mais normais, quando estão conversando sobre determinada situação que envolve outras pessoas, lá vem o julgamento. Isso é certo, isso é errado. Não seria mais correto pensar isso não serve para mim, eu não agiria assim… mas a vida da outra pessoa não é a minha vida. Ela deve ter suas razões, que eu desconheço? Agir assim, pensar assim, no entanto, requer um grande esforço, auto-domínio e reconhecimento de que não se é melhor do que ninguém, não se é o ‘julgador’ dos outros, nem do mundo.

Continuar lendo

Musica e teatro: As atrações do Teatro Carlos Gomes para Abril

Uma comédia sobre diversidade. Entre Nós é destaque no calendário do Teatro Carlos Gomes em abril (Reprodução)

Uma comédia sobre diversidade. Entre Nós é destaque no calendário do Teatro Carlos Gomes em abril (Reprodução)

(Camila Tibes / Oficina das Palavras)

No mês de abril, boa música, interpretações marcantes e muito talento vão tomar conta da programação do Teatro Carlos Gomes, principal palco de eventos e espetáculos culturais da cidade. Entre os tantos serviços promovidos diariamente, um dos objetivos é buscar valorizar a arte e trazer uma programação diversificada para a população de Blumenau e região. Nas próximas semanas, a agenda terá show musical e peças teatrais.

Para quem gosta de um som mais pesado, o espetáculo AC/DC and Guns N’ Roses abre a programação cultural do mês com show no dia 9 de abril. Já para quem curte a arte da representação, a peça Entre Nós mescla bom humor com uma reflexão bem irônica sobre os diversos temas e afetos do mundo atual nos dias 9 e 10 de abril.

Continuar lendo

Tuberculose (ainda) está entre as doenças infecciosas que mais matam no mundo

(Tamiris Schlegel / Presse Comunicação Empresarial)

Um espirro, uma tosse com escarro por um longo tempo pode ser sinal de tuberculose. A doença ainda faz vitimas e o tratamento é de suma importância para evitar o pior (Reprodução)

Um espirro, uma tosse com escarro por um longo tempo pode ser sinal de tuberculose. A doença ainda faz vitimas e o tratamento é de suma importância para evitar o pior (Reprodução)

A tosse, na maioria das vezes, pode ser um dos sintomas associados a alergias, gripes, entre outras doenças respiratórias. No entanto, é bom ficar atento, pois ela pode ser o indício de uma doença infecciosa, já bem conhecida em todo o mundo e transmissível que afeta prioritariamente os pulmões: a Tuberculose (TB). De acordo com o Ministério da Saúde são, aproximadamente, seis milhões de novos casos descobertos por ano em todo o mundo, levando mais de um milhão de pessoas a óbito.

O pneumologista do Hospital Dia do Pulmão (HDP), Jorge Dornelles Diehl, ressalta que quando o sintoma persiste por mais de três semanas é preciso investigar melhor suas causas. A tosse, quando acompanhada por secreção e sangue, mal estar, dor no peito, perda de peso, suor e febre merecem uma atenção especial. Causada pelo Bacilo de Koch (BK / Mycobacterium tuberculosis), a tuberculose geralmente afeta os pulmões, mas também pode atingir qualquer outra área do corpo. É uma doença que tem cura, porém possui um tratamento longo e que não deve ser interrompido, ratifica.

Continuar lendo

SESI inicia campanha de vacinação contra a gripe para trabalhadores da indústria

(Reprodução)

(Reprodução)

(Ana C. Bernardes / Presse Comunicação Empresarial)

A campanha de vacinação contra a gripe promovida pelo Sesi, entidade da Fiesc, já iniciou. Neste ano, a expectativa é imunizar 180 mil trabalhadores de 3,4 mil indústrias catarinenses. Na região do Vale do Itajaí, o objetivo é vacinar 35 mil pessoas. As empresas interessadas em participar da campanha devem se cadastrar no site até o dia 14 de abril, ao custo será de R$ 21,50 por dose.

A novidade deste ano é que, além da vacina trivalente, será oferecida a quadrivalente. A vacina quadrivalente protege contra um vírus que ainda não teve casos registrados no Brasil. Ela chegou ao Brasil no ano passado e decidimos oferecer, pois muitas pessoas viajam para outros países, explica a supervisora de enfermagem da Clínica Sesi, Mariana da Silva. O custo da vacina quadrivalente será de R$ 27,50. Além dos trabalhadores da indústria, a campanha irá atingir seus dependentes e a comunidade em geral.

Mais informações no site, pelo e-mail faleconosco@fiescnet.com.br ou por meio da Central de Atendimento, no 0800 48 1212.

Formandos Jornalismo/2015: Uma carta aberta

Arquivo)

A Turma de formandos de Jornalismo de 2015. A qual destina-se esta carta aberta em A BOINA: Em pé (esq-dir), Bruno Stolf, Tamires Kardauke, Kellen Reis, Kely Rodrigues, Bruna Laline Ramos, Juliane Mateus Costa e André Luiz Bonomini. Sentadas (esq-dir) Yara Schram, Franciele Back e Aline Otto (Arquivo)

Um ano, gente… Que coisa, como esse tempo passa rápido!

Prometo não reproduzir aqui o discurso daquela noite, mas falar daquela noite neste dia 28, uma segunda-feira daquelas corridas como sempre, calha como uma breve fuga destas nossas vidas corridas que vivemos. Provavelmente estaremos ainda pensando nos nossos afazeres nesta noite e durante a semana, mas não vamos negar. Exatamente há um ano atrás estávamos com um frio incontrolável na barriga, sabendo que logo entraríamos dentro do majestoso Auditório Heinz Geyer como formandos e sairíamos de lá como jornalistas.

Não era lá o dia perfeito. Chovia quase o dia todo, parava, voltava, parava, voltava… Mas que importância tinha? Cada um saía de suas casas com aquela impressão gostosa que, enfim, chegava o dia que tanto anseavamos desde 28 de fevereiro de 2011! E não se assustem como sei a data certinho, não é por isso, mas tem como esquecer o dia que começamos esta estrada acadêmica? A mais inesquecível, cheia de erros, acertos, momentos alegres, tristes, superações, correrias e muitas risadas?

Continuar lendo

Ponto Geek (.Geek) – O agradável mundo nerd dos cardgames, tabuleiros e animes… em Blumenau

Um cantinho na cidade-jardim onde os nerds tem vez, onde o jogo de tabuleiro é lei e onde os aficionados por animes, cardgames, RPG e outros elementos deste mundo se encontram. Eis o Ponto Geek .Geek), que A BOINA apresenta hoje! Arquivo / Ponto Geek)

Um cantinho na cidade-jardim onde os nerds tem vez, onde o jogo de tabuleiro é lei e onde os aficionados por animes, cardgames, RPG e outros elementos deste mundo se encontram. Eis o Ponto Geek (.Geek), que A BOINA apresenta hoje! Arquivo / Ponto Geek)

Rua Floriano Peixoto, 27, sala 201 do Edifício Dóra Helena… Antes da gente pousar neste endereço, preciso contar uma breve história, com um pouco de drama,
emoção e superação. pode ser? Okay!

Há alguns anos atrás, um nerd numa escola pública ou particular era quase um marginal diante de tantas outras tribos que pipocavam naqueles tempos. Quase
sempre, eram os queridinhos dos professores, amantes dos quadrinhos e aventuras
de super-heróis e animes, fanáticos por games e filmes, mas que eram para a turma toda os párias, sempre solitários (ou nem tanto acompanhados) nos dias de aula. Isto ainda que naquele tempo o termo bullying nem constava no dicionário.

Mas, se você pensa que era uma vida difícil por conta dos seus hábitos (estranhos
para muitos) até pode lhe soar assim, mas o tempo passou e o nerd saiu dos guetos escolares e sociais e virou estilo, uma forma de ver o mundo com mais ação, atitude e, claro, inteligencia. Falo seguramente isso pois este jornalista já foi um nerd no passado, e hoje considera-se uma espécie de veterano de outros tempos, por ai…

Em Blumenau, esta explosão nerd de cores, figuras de ação, jogos e batalhas épicas num universo particular encontra sim seus adeptos, e não são poucos. Nas livrarias, fliperamas, lojas de games, revistarias e em eventos de animes ou da cultura pop eles estão la, longe de serem os zumbis e párias há tanto tempo estigmatizados pelos filmes de Hollywood.

E para quem sente-se longe dos semelhantes (como eu me senti), a cidade-jardim tem encravado naquele endereço que dei no início desta matéria um reduto, onde ser nerd não levanta piadas e onde nerds de várias idades encontram-se. Trata-se do alegre Ponto Geek (ou .Geek, para os detalhistas), aberto em outubro de 2015 e tocado com energia por um casal de amigos que A BOINA teve a honra de ver (e rever) para contar esta história de sucesso que vai muito além das cartilhas do Sebrae.

Continuar lendo