Videotape n’A Boina nº21 – A Falta que a Hebe me faz

Como não sorri com esse sorriso? Como não sentir saudade de uma das estrelas da televisão? Hoje o Videotape do Luke transborda de saudade com as memórias de Hebe Camargo (Lourival Ribeiro)

Como não sorri com esse sorriso? Como não sentir saudade de uma das estrelas da televisão? Hoje o Videotape do Luke transborda de saudade com as memórias de Hebe Camargo (Lourival Ribeiro)

(Lucas “Luke” Baldin)

Hello, Gracinhas lindas de viver! Tudo bem com vocês, chuchuzinhos do Luke?

Estou muito bem (apaixonado), obrigado por perguntar. E se não perguntou… Bem, está respondido! Depois dessa saudação a la Hebe, venho com mais um tema que me toca: Hebe Camargo!

Sim. A Rainha da televisão brasileira, a Sbtista que abalava até as estruturas da Globo, tanto que volta e meia ela estava por lá dando entrevistas e levando sua alegria. No último dia 08 de março seria aniversário de Hebe, ela que foi a maior comunicadora da história da televisão nacional e que nem precisou trabalhar na Globo para isso. O seu brilho e energia a fez ganhar os corações dos brasileiros.

Bem, vou resumir em poucas palavras seu grande histórico e depois vou falar a meus sentimentos em relação a Rainha Hebe. Essa é a homenagem que vou prestar, do meu jeito simples, para uma mulher simbolo de força e simpatia. Vamos lá, rapidamente falando, Hebe trabalhou em rádio, cantou com sua irmã, mas foi na TV que eu conheci seu trabalho. Conhecida por seus clássicos bordões e por sua mania de selar os outros, Hebe nos deixou em setembro de 2012, vítima de uma parada cardíaca. Agora que eu resumi super mega master rapidamente o histórico artístico, vou falar minha opinião.

Uma dupla de peso na TV brasileira: Hebe e Silvio Santos... (Reprodução)

Uma dupla de peso na TV brasileira: Hebe e Silvio Santos… (Reprodução)

Eu simplesmente admirava a Hebe! Sempre que eu podia eu assistia aos programas dela, ainda mais na época em que seu programa no SBT era exibida na faixa das 20 e pouco. Acredito ter sido desnê a ida dela para a RedeTV!, penso que ela não foi tratada da maneira que merecia. Eu lembro de assistir ao especiais de Dia das Crianças que ela costumava fazer, de reunir em seu palco os nomes que faziam sucesso entre a criançada na época. Sua elegância e classe merece destaque, ela sabia como conduzir o programa de forma leve e gostosa de assistir. Tanto que o seu sofá virou simbolo e volta e meia é referenciado nos programas por aí. Ah, Hebe também dublou um dos meus filmes favoritos: Dinossauro da Disney.

Quem nunca quis dar um selinho na Hebe? E aquela risada gostosa de ouvir? Muitas vezes nos momentos de humor em seu programa a única coisa que ela fazia era rir. E o texto? Quem se importa?! É a Hebe! Ela que não tinha vergonha de expôr sua opinião nas aberturas de seu programa, deu um baita susto na gente quando lutou contra o câncer. Foi símbolo de força. E é essa a imagem que guardo dela. Força, bom humor e muita, mas muita saudade. A Rainha da televisão Hebe sempre será lembrada e essa geração que não chegou a acompanhar seu trabalho… Bem… Vão ouvir muito dela ainda.

A Rainha da TV não precisou passar pela Globo para ser reconhecida como uma das maiores comunicadoras que o país já teve (Reprodução)

A Rainha da TV não precisou passar pela Globo para ser reconhecida como uma das maiores comunicadoras que o país já teve (Reprodução)

Confira uma das idas da Hebe à TV Globo na estréia do programa Xuxa (1993):

Por hoje é isso, chuchuzinhos do Luke. Tô indo, mas na semana que vem eu volto. Quer sugerir um tema para eu opinar, dissecar e apresentar aos Videotapers? Comenta aí que o tio Luke atende!

Um abraço apertado e um bom finde! Luke para A BOINA encerrando a transmissão.

Deixe uma resposta