Terminou o Carnaval… E as suas metas como estão?

(Reprodução)

(Reprodução)

(Franciane Péterle | Envio: Karin Bendheim)

Para quem faz valer o velho ditado de que no Brasil o ano começa só depois do Carnaval e deixou para planejar ou cumprir as metas só agora, chegou o momento. Não é mais possível adiar, caso queira realizá-las. Quem ainda nem fez o planejamento ou deixou-o naquele ritmo de férias e precisa fazer ajustes, a primeira ação é definir claramente quais são as metas para o ano. Seja na vida pessoal ou profissional, tenha metas claras e bem definidas. Pense: Aonde você quer chegar? O que deseja conquistar? Tenha isso como motivação.

Escreva! É comprovado cientificamente que quando escrevemos a chance de atingir uma meta aumenta em 60%. Por isso, faça uma lista de objetivos e estabeleça prazos. É importante ter foco. É melhor poucas metas cumpridas que uma pauta enorme por fazer. Lembre-se de que você tem dez meses pela frente e nem tudo precisa – nem pode – ser realizado logo. Portanto, estabeleça ações a curto, médio e longo prazo, de acordo com o tipo de propósito e urgência.

Franciele Péterle, Master Coach e Psicóloga (Reprodução)

Franciele Péterle, Master Coach e Psicóloga (Reprodução)

Desça do muro! Tome uma decisão – ou mais – e comece a agir. Deixe de lado os medos e pensamentos que sabotam o planejamento. Bombardeie seu cérebro com o que você quer e não com o que você não quer. Esta atitude ajudará a agir. Pense nos desejos e como será bom conquistá-los.

Foque nos talentos! É comprovado que o maior potencial de crescimento de cada pessoa está nas áreas onde ela tem seu ponto mais forte. Portanto, não perca tempo com os pontos fracos. Pense nas suas virtudes e explore-as. Os resultados irão aparecer.

Seja grato! Quando agradecemos ativamos o sistema de recompensa, responsável pela sensação de bem estar e prazer. É a base neurológica da satisfação e auto-estima. Portanto, se você conquistou uma meta, agradeça. Isso fará você querer conquistar ainda mais.

(Reprodução)

(Reprodução)

Acompanhe! Tenha o planejamento sempre à vista e leia-o com frequência. É fundamental para você não se esquecer dos objetivos e fará com que tudo esteja sempre muito vivo e claro em sua mente. Essa ação é importante também para rever as metas. É comum que, com o passar do tempo, haja mudanças sendo necessário alterar algum prazo ou até mesmo objetivos. Tudo bem. O importante é não perder o controle.

Por fim, lembre-se que só podemos mudar a nós mesmos e, assim, fazer por nós mesmos. Não espere por um empurrãozinho amigo. A mudança precisa partir de cada um, então, posicione-se e aja!

Deixe uma resposta