Circulo: Inovação, tradição e amizade nas meadas do mundo têxtil

Instalada quase na porta de entrada de Gaspar, fruto da iniciativa de um suíço que via nas linhas e fios um grande mercado, a Circulo é uma afirmação diária de força empresaria. E mais, uma prova viva de que se pode e é preciso jovem e ter novas e inovadoras ideias e formas de interagir com seus clientes, mesmo beirando os 80 anos (Reprodução)

Se, num hipotético livro de procedimentos da indústria brasileira, existisse um parágrafo sobre a renovação estrutural e de imagem, ele certamente teria um artigo que diria em letras garrafais que nem mesmo as mais tradicionais e familiares empresas escapam desta normativa. E quem não a segue está fadado ao fracasso, esquecimento e morte.

Em tão pouco tempo lendo e conhecendo mais nossa força industrial pelo Vale (e cujo tenho muito a conhecer), pode-se reparar com facilidade que grande parte dos tradicionais arroz-de-festa do setor, em especial o têxtil, buscam uma constante renovação e a adaptação de novos olhares e procedimentos para com os clientes. E quando digo clientes não me refiro aos agoniados investidores e empresários, mas sim ao povo que circunda a fábrica, seja fazendo ela viver ou usufruindo do que ela produz.

E ai, quando se fala em inovação e aproximação social, não importa quantas estrelas no galão ou quantos anos de rodagem no currículo, se ela não vier o fim estará próximo. É cruel falar, sim, mas só assim para se entender a realidade de um mundo empresarial cada vez mais competitivo e socializado.

E por que falo tudo isso? Bem, A BOINA teve uma feliz experiência na manhã da última segunda (24/04): Percorrer os caminhos da Artex gasparense, a tradicional Linhas Circulo, que beirando os 80 anos, nem aparenta a idade que tem face a juventude de ideias que carrega nas paredes do grande prédio do 360 da Rua Nereu Ramos, em Gaspar.

Continuar lendo

Guernica, 80: Da guerra para a arte

O retrato da crueza do fascismo lançado contra uma simpática e inocente cidade espanhola. Esta é Guernica, obra de Picasso que retratou em infinidade de simbolismos e no mais puro acinzentado uma página negra na guerra civil espanhola, conflito que serviu de ensaio para Alemanha e Itália pra a Segunda Guerra (Reprodução)

Qual é o limite do fascismo?

Qual é o limite de uma ditadura?

Qual o limite de toda e qualquer forma de repressão e violência em regimes autoritários?

Não pareciam haver limites para autoritários quando esta tela – Guernica – nasceu, muito embora se permitisse um pouco de ousadia para explicar o autor dela. Consta numa história quase urbana que, indagado por um oficial alemão sobre a autoria da obra (foi você que fez isso?) o autor respondeu veementemente: Não, foram vocês!

Este atrevido era um certo cidadão de boina, atendendo pelo nome de Pablo Picasso, um dos maiores expoentes da arte mundial. Pintor, escultor, ceramista, poeta, dramaturgo e… espanhol. Nascido em Málaga, um gênio ao seu tempo e responsável, junto dos franceses Henri Matisse e Marcel Duchamp, por grandes avanços nas artes plásticas no início do século XX.

Continuar lendo

Gramming & Marbles (Indy): No Alabama, Newgarden vence após novo azar de Power

Quando Tio Roger aposta, ele geralmente costuma não errar. Quanto ao talento de Newgarden, isto ele pode ter certeza de ter apostado bem. O novato da Penske venceu sua primeira prova e com autoridade de gente grande (Reprodução)

Roger Penske é uam velha raposa, todo mundo sabe. Ele aposta e, geralmente, acerta no pupilo contratado. Com a vacância de Juan Pablo Montoya, coube a Josef Newgarden mostrar por que é um talento a ser muito considerado para o futuro na F-Indy. E ele não demorou muito a justificar a aposta, pois Josef só precisou de apenas três corridas para conseguir sua primeira vitória pela equipe de Uncle Roger. Quis o destino que o palco fosse o mesmo de seu primeiro triunfo na categoria, há dois anos atrás.

A corrida em Barber não repetiu o thriller de anos anteriores, muito graças ao pneu furado de Will Power, que liderava faltando 14 voltas e certamente teria brigado até o final com Newgarden. Não foi dessa vez que a Indy entregou um grande duelo em 2017, mas as cartas estão na messa e poderemos ter uma grande batalha no primeiro oval do ano, o de Phoenix, no próximo sábado.

Continuar lendo

Gramming & Marbles (MotoGP): Em Austin, Márquez bate cartão e Rossi é o novo líder

2017-2-austin-motogp-qualifying-results-1

Você já sabia. Nós também. Vitória de Márquez nos EUA é mais manjada que A Lagoa Azul na Sessão da Tarde (Reprodução)

Sabe quando você tem um dia totalmente burocrático no seu trabalho? Nada além de uma jornada comum sem grandes histórias? Então, assim é a vida de Marc Márquez quando a MotoGP corre no Circuito das Américas. O domínio do espanhol na pista é tamanho que correr lá fica parecendo uma mera formalidade.

Diante da obviedade do resultado na pista de Austin, a grande história da corrida foi mesmo o tombo de Maverick Viñales, embolando a briga pelo campeonato que tem agora ninguém mais ninguém menos que Valentino Rossi na liderança! A grande pergunta agora é se o italiano vai conseguir sustentar essa briga valendo-se de sua conhecida consistência.

Continuar lendo

Karina Beatrice em A BOINA: O modismo e os relacionamentos

Reprodução)

(Karina Beatrice Frainer)

O mundo seria bem mais fácil se as pessoas buscassem o autoconhecimento e aprendessem a se colocar no lugar do outro para compreender melhor as diferenças. Os relacionamentos seriam mais aproveitados e durariam mais com respeito e honestidade.

Enquanto isso não acontece, quem quer evoluir neste quesito deve compartilhar informações e saber ouvir. O mundo está repleto de exemplos e experiências e as pesquisas e análises podem ser feitas em diversos aspectos: reais (no dia a dia), em livros ou até com profissionais na área.

Continuar lendo

Quitute pet: Aprenda a preparar biscoitos saudáveis para o seu cão

Não é qualquer comida que o seu bichinho pode comer. Fique atento ao que oferecer ao seu amiguinho para degustar e, claro, anote esta dica de alimento saudável: Biscoitos de banana (Reprodução)

(Samara Vieira / Oficina das Palavras)

Filhos de quatro patas. Quem nunca ouviu essa expressão? Com o passar dos anos, o papel dos cães e gatos nas famílias mudou. Se antes eram apenas um bichinho de estimação, hoje são considerados como parte da família e são tratados como verdadeiros filhos, inclusive, na hora da refeição.

Um pedacinho de pão, biscoitos ou bolos, que aparente são inofensivos, podem causar um estrago na saúde do seu bichinho. Por mais inofensivo que possa parecer, os pais dos patudos precisam ficar vigilantes sempre com a alimentação. Um pequeno pedaço de chocolate, por exemplo, pode causar o óbito do animal. Até mesmo a ração, quando não selecionada com critério, provoca um desequilíbrio no desenvolvimento e saúde dos pets, explica o proprietário da Foster Pet Place, Tarciso Souza.

Continuar lendo