Doenças de Inverno: Perigo a vista! Como evitar?

O frio está ai, e as doenças clássicas do inverno também estão chegado, para o terror de todos. Mas sem pânico! a prevenção ainda é uma das armas mais eficazes. Confira abaixo e fique de olho (Reprodução)

(Camille Magalhães / Oficina das Palavras)

O Inverno ainda não chegou. Mas as temperaturas mais baixas já estão aí. A mudança no clima pode afetar a saúde de gente de todas as idades. Alguns cuidados simples podem evitar alergias, problemas respiratórios, gripes ou resfriados.

Quem sofre com inflamações mais graves, como a asma, os cuidados com a saúde são ainda mais fundamentais para enfrentar os dias frios. Para evitar o agravamento das famosas ites do Inverno, entre elas a rinite, a bronquite e a sinusite, o melhor remédio é a prevenção.

Segundo o médico infectologista do Hospital Marieta Konder Bornhausen, Ricardo Zimmermann, as doenças comuns desta estação podem ser prevenidas a partir de cuidados básicos em casa. Conciliar uma boa alimentação, a prática regular de exercícios físicos e os cuidados básicos de higiene também são fatores importantes para evitar o contágio das doenças de Inverno, recomenda o especialista.

Anote algumas dicas para garantir o bem-estar de toda a família:

(Reprodução)

– Fique atento ao calendário de vacinação: “A comunidade deve ficar sempre atenta às campanhas de vacinação no município, que é a maneira mais eficaz para prevenir as doenças”, aponta Zimmermann.

– Evite locais fechados: Com as baixas temperaturas, as pessoas têm a tendência de fechar portas e janelas. Fique atento e evite locais assim, sem ventilação. Manter os ambientes arejados, até mesmo no local de trabalho, é fundamental. “Ambientes fechados são perfeitos para a concentração de bactérias e para evitar é preciso que haja ventilação”, ressalta o médico infectologista do Hospital Marieta, Ricardo Zimmermann.

– Mantenha as mãos higienizadas: Lave as mãos frequentemente com água e sabonete, de preferência líquido. Um produto prático e eficiente nessa hora são os lenços umedecidos, especialmente os que não utilizam álcool etílico em sua formulação.

(Reprodução)

– Mantenha o organismo hidratado: Sentimos mais sede no Verão, mas é fundamental permanecer hidratando o corpo mesmo com as baixas temperaturas. Com o ar mais seco o consumo de água é essencial. Não esqueça de beber dois litros de água por dia.

– Atenção redobrada com alguns objetos: A poeira, os fungos e os ácaros são agentes que permitem o aparecimento ou agravamento de reações alérgicas, como é o caso dos espirros constantes e a irritação nasal. Por isso o médico infectologista alerta e sugere manter distância de objetos que possam conter maior concentração destes agentes, como carpetes e travesseiros de pena.

– Cuide da sua pele: A pele fica mais seca nessa época do ano. Rachaduras, irritações e alergias são comuns. Por isso abuse dos hidratantes e evite banhos muito quentes. Para as mulheres que gostam de praticidade, alguns lenços umedecidos também podem ajudar.

Deixe uma resposta