Equipes: Mesmo com crise, empresas não deixaram de investir nelas

Equipe da Teclógica: 23 anos de história, renovações e novas formas de investir no seu crescimento (Divulgação)

(Sabrina Hoffmann / Melz Assessoria de Imprensa)

Uma das preocupações cada vez mais presente nas empresas brasileiras está ligada ao desenvolvimento das equipes. Foi isso o que apontou uma pesquisa da Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento (ABTD). O estudo mostrou que só em 2016 o investimento de companhias brasileiras em seus times cresceu 33% em comparação a 2015.

Na Teclógica, empresa de tecnologia de Blumenau, o último ano foi de desenvolvimento de lideranças. Um grupo de pessoas em cargos de gestão dentro da companhia participou de um treinamento sobre Liderança Transformacional. Após este treinamento foi criado um grupo chamado G7, que promove seções periódicas para trabalhar sete competências eleitas pela companhia como fundamentais para seus líderes: Participar, Disseminar, Reunir, Dar Feedbacks, Comemorar, Desenvolver e Compartilhar.

Continuar lendo

Cerveja e história: A história do universo cervejeiro na obra de Soila Freese

(Nane Pereira)

Totalmente renovada, uma aventura na história cervejeira do Vale em todos os seus momentos. Em dezembro, chega à Blulivro a segunda edição de Ein Prosit Blumenau, produzido pela jornalista e amiga de A BOINA, Soila Freese (Roberto Lanznaster)

Produção de cerveja, memórias e boas histórias para contar. No dia 7 de dezembro, às 19h30, a jornalista e escritora Soila Freese lança a 2ª edição do livro Ein Prosit Blumenau. A obra reúne a história das primeiras cervejarias da então colônia Blumenau, por meio de registros e memórias de amigos, filhos e netos de mestres-cervejeiros. O evento ocorre na Livraria Blulivro, no Shopping Park Europeu, em Blumenau, e a entrada é gratuita e aberta a comunidade. O livro custa R$ 29,90.

A primeira edição do livro ‘Ein Prosit Blumenau’ foi lançada em 2008, em uma versão bastante singela, mas rica em conteúdo. Agora a obra chega em sua segunda edição totalmente reformulada, onde o material passa a ser visualmente mais atrativo, explica Soila Freese. O texto foi editado, passou por nova correção ortográfica, novas informações e material de pesquisa foram adicionados e o projeto gráfico foi totalmente reformulado. Está mais colorido e destaca também fotos, rótulos e documentos levantados durante a pesquisa, acrescenta a autora.

Continuar lendo

Novidades e situação de momento: Uma mensagem de A BOINA

O momento, novidades… A BOINA não para. E, para isto, uma mensagem aos amigos!

Bem, amigos, já devem ter notado que, ultimamente, as coisas andam meio irregulares em A BOINA. o Gramming & Marbles (G&M) anda parado, o Videotape n’A BOINA (VTnaB) sumiu e as postagens diárias se tornaram raras, culpa (boa culpa, diga-se) da rotina corrida no desafio da PG2, como já contei há algum tempo para vocês.

Pois bem, antes que possam me perguntar, não estou em vias de fechar o blog, nada disso! O que acontece, pura e simplesmente, é um processo lento de mudanças e recolocações de edição e entrada de pautas. Mas nada que possa dar a impressão que este espaço está fechando. São dois anos em busca de trazer a todos a informação com conteúdo, com leveza e possibilidade de recordar, aprender, conhecer e descontrair a mente de uma forma sadia. Tem sido sempre esta a proposta de A BOINA e nunca deixará de ser.

Novidades estão a caminho. Novos parceiros, novos espaços e novas formas de eu e dos amigos do blog se comunicarem para você, leitor e leitora. E tudo isto eu explico no audio abaixo, para melhor entenderem o momento de vida que estou.

É meio longo, admito, 11 minutos, mas peço que ouçam. Coisas boas virão e este blog não vai fechar, Disso podem ter certeza!

(Áudio gravado no dia 15 de novembro de 2017)

Em Apiuna, ampliação a caminho da Ferrovia das Bromélias

Boas notícias nos trilhos da Ferrovia das Bromélias, em Apiúna: a sonhada ampliação do ramal turístico está a caminho, com as obras previstas para o ano que vem (Reprodução)

Para quem é entusiasta da história, do turismo e da epopeia da estrada de ferro no Vale, vem de Apiúna uma das notícias mais felizes da última semana. Foi anunciada em Rio do Sul, no último dia 16, a celebração de convênio entre o Estado e a União, por meio do Ministério da Defesa, para a recuperação de mais uma parte da Ferrovia das Bromélias, na localidade de Subida, único trecho da Estrada de Ferro Santa Catarina (EFSC) recuperado e em atividade.

Estimada em R$ 11,7 milhões, o trecho a ser recuperado fará a linha passar dos quase dois quilômetros atuais para próximo dos 16 Km, alcançando a localidade de Riachuelo, em Lontras. A obra será executada pelo Batalhão Ferroviário de Lages, do Exercito Brasileiro, e deverá ter cerca de um ano e meio de prazo de execução, conforme informou ao colunista Francisco Fresard (Pancho) o presidente da Associação Catarinense de Preservação Ferroviária (Tremtur), Carlos Ramiro da Silva.

Continuar lendo

Os 23 do Corinthians: Uma saga, uma noite e uma história do esporte

Basílio comemora um dos gols mais marcantes da história do futebol brasileiro. Depois de 23 anos, era o fim da angústia do Corinthians, uma história folclórica e tornada em poesia e música que completa 40 anos (Reprodução)

Noite de 15 de novembro de 2017. Depois de aplicar 3 a 1 contra o Fluminense dentro de casa, o Sport Club Corinthians Paulista alcançou o sétimo titulo brasileiro. Uma história construída com excelência num campeonato nacional em que gols e boas partidas estão em falta. Título merecido, diga-se, venceu o melhor e não se pode mentir.

É o segundo título em três anos, o terceiro na década, fruto de um trabalho misto de técnica e publicidade que mostrou-se pioneiro no Brasil, fazendo do clube uma espécie de grife para alguns, utilizando esta ferramenta em favor do seu elenco e de sua saúde monetária, sendo uma espécie de exemplo para outros clubes. E não é mentira, em aulas de marketing na faculdade de jornalismo, o Corinthians era case de aula e exemplo de trabalho com uma marca já consagrada entre seus torcedores.

O Cortinthians, assim como o futebol brasileiro, é parte integrante de elementos folclóricos que fazem do nobre esporte bretão nacional algo que desperte a curiosidade nos contos que escreveu desde os tempos de Charles Miller. Os títulos, os jeitinhos, as viradas de mesa e maracutaias, coisas que enriquecem este arquivo, sendo algumas motivo de orgulho ou de vergonha, claro.

Continuar lendo

All Doctors: Aplicativo que une saúde e tecnologia chega a Santa Catarina

(Camila Tibes / Oficina das Palavras)

(Reprodução)

Democratizar o acesso à saúde através de um sistema de economia compartilhada, onde o médico cobra um valor mais acessível preenchendo seus horários ociosos e o paciente busca, agenda e paga por consultas e exames com profissionais em qualquer horário ou dia de semana. Assim funciona o All Doctors, um aplicativo que busca trazer a praticidade e a evolução do mundo digital para a saúde. A plataforma intuitiva, que foi lançada em agosto de 2016 em São Paulo, chega agora em Santa Catarina, que será o segundo estado a receber o app. Inicialmente oferecerá atendimento na região do Vale do Itajaí e litoral, partindo em seguida para Florianópolis, Joinville e região Oeste.

Com preços que vão de R$ 79,90 a R$ 149,90, o aplicativo oferece ao paciente praticidade na hora de marcar uma consulta ou exame em qualquer horário ou dia de semana, de uma maneira rápida e eficiente, com apenas alguns cliques. Entre as vantagens oferecidas pelo sistema, além dos valores, é claro, o usuário também não enfrenta filas ou precisa ligar mais de uma vez em busca de um horário para a consulta. A tecnologia e o universo online sendo úteis também na área da saúde, explica Rafael de Sá, sócio e co-fundador do All Doctors. O aplicativo é uma forma de suprir as necessidades do paciente que não tem convênio e busca por uma alternativa viável financeiramente, já que não paga mensalidade ou taxa, apenas o valor da consulta ou exame.

Rafael de Sá e Súber Bernardes, criadores do aplicativo, no evento de lançamento (Alan Souza)

Já para o profissional, uma das vantagens é a financeira, pois o pagamento pelo aplicativo vai direto para ele, sem burocracia. Muitas pessoas não possuem mais convênio médico, já que os preços são altos e muitas vezes existe uma demora em localizar um profissional quando precisam de um atendimento. O mercado precisa de novas alternativas, tanto para o profissional quanto para o paciente. Na região de São Paulo, o sistema já está sendo utilizado por pessoas de várias faixas etárias e classes sociais, comenta Raphael Súber Bernardes, sócio e co-fundador do All Doctors. Outro benefício para o médico é a redução do no-show, pois o paciente paga antecipado.